Sexta, 15 de Janeiro de 2021 18:23
Envie fotos e vídeos pelo WhatsApp: 19 98727-4956
Geral Serviço

Cidades da RMC mobilizam-se para início da campanha de vacinação

Campinas suspende férias de servidores da saúde

14/01/2021 14h00 Atualizada há 1 dia
Por: Da Redação Fonte: Da Redação
Conselho dos Municípios articula ações coordenadas (Foto Redação)
Conselho dos Municípios articula ações coordenadas (Foto Redação)

A expectativa é grande para que a campanha de vacinação inicie no dia 25 de janeiro. 

Com esse cronograma, os profissionais de saúde terão que estar de prontidão para atender a forte demanda, principalmente entre fevereiro e março, período de início da campanha do novo coronavírus.

Somente em Campinas, são 4,1 mil servidores da Saúde, além os profissionais da Rede Mário Gatti, autarquia que administra os hospitais Ouro Verde e Mário Gatti e UPAs..

O plano de contingência de Campinas prevê a suspensão de férias, licenças-prêmio e o abono de horas  dos servidores. A portaria já foi publicada para que seja possível atender à população.

Os servidores também estarão suspensos da participação em treinamentos e cursos. 

Os detalhes do plano, constando os locais, ainda não foram divulgados, no entanto, a recomendação é que os imunizantes sejam disponibilizados em locais amplos e arejados. Tudo para evitar aglomerações.

O plano prevê atendimento às pessoas idosas. Somente no município os grupos dos idosos somam mais de 210 mil pessoas.  Os detalhamentos do plano contempla a logística, prevendo a distribuição em 20 hospitais de saúde. 

Todos os detalhes serão divulgados ao longo da semana em ações coordenadas com o Ministério da Saúde.

As articulações com os prefeitos estão em curso com uma agenda coordenada pelo ex-prefeito de Campinas, Jonas Donizete, presidente da FNP (Frente Nacional de Prefeitos). 

Todas as cidades da RMC estão no ritmo para mitigar os riscos durante o período de vacinação.

Estamos acompanhando os movimentos nos municípios, principalmente os da RMC.

Calendário

Em alinhamento com o plano nacional, a primeira dose será ministrada aos profissionais de saúde, indígenas e quilombolas. 

Este grupo será atendido no dia 25 de janeiro. 

A segunda dose está prevista para o dia 15 de fevereiro.  

A população da melhor idade, entre os 70 e 74 anos devem ser imunizados nos dias 15 de fevereiro e 8 de março.

Idosos de 65 a 69 anos receberão as doses em 22 de fevereiro e 15 de março. Dos dias 1 de março a 22 de março as campanantas estão previstas para mobilizar moradores entre 50 a 65 anos

Por fim, moradores com idades entre 60 e 65 anos tomarão a vacina nos dias 1 de março e 22 de março.